Gentoo Logo

Jornal Semanal do Gentoo: 28 de fevereiro de 2005

Content:

1.  Notícias do Gentoo

Primeiro encontro europeu de desenvolvedores do Gentoo

Trinta desenvolvedores do Gentoo da União Européia, Noruega, Suíça e dos Estados Unidos foram ao primeiro encontro oficial de desenvolvedores do Gentoo organizados em Bruxelas, aproveitando o local e a ocasião do evento da FOSDEM da semana passada. Por duas horas em uma manhã de domingo, o Gentoo DevRoom em uma das construções histórias da Université Libre de Bruxelles foi reservado para o encontro interno que pela primeira vez uniu pessoas que já trabalharam juntas como um time por meses ou anos, mas nunca encontraram-se em pessoa. Depois de breves introduções, a discussão rapidamente centrou-se nas questões estruturais do desenvolvimento do Gentoo. Quando a infra-estrutura era providenciada e desenvolvida por apenas algumas pessoas chave, era normalmente suficiente fazer pedidos em sua direção geral, e elas fariam o trabalho. Hoje, com uma contagem de mais de 350 desenvolvedores e uma grande variedade de necessidades e ambições, o encontro de Bruxelas sugeriu de maneira unânime renovar a estrutura do projeto, para refletir as mudanças em seu escopo, para tornar desenvolvedores ativos sentirem-se mais representados, e para preparar terreno para escalabilidade do futuro. O resultado da discussão será preparado como uma proposta para enviar aos gerentes do projeto do Gentoo e desenvolvedores.


Figure 1.1: Primeiro encontro pan-europeu de desenvolvedores do Gentoo

Fig. 1: Encontro de Devs

Note: De pé, da esquerda para direita: cryos, foser, tantive, pYrania, ian, jaervosz, koon, SeJo, pvdabeel, hansmi, lu_zero. Sentados na frente: beejay, luckyduck, plate, Pylon, zypher, Ferdy, BaSS, karltk, tove, bonsaikitten, Kugelfang, KingTaco. Invisivelmente presentes (como ajudando na cabine): stkn, genone, Sebastian, GMsoft, dams, SwifT, wmertens

FOSDEM 2005 expo e conferência

A presença do Gentoo no maior encontro de desenvolvedores do código-aberto na Europa pelo terceiro ano foi uma incrível experiência para todos que participaram. Com estimados 3500 participantes, a FOSDEM passou sua audiência alvo de apenas desenvolvedores dos países do Benelux, e um impressionante plantel de apresentadores atrai desenvolvedores de código aberto de toda Europa e além para vir a Bruxelas todo ano. Aprendendo com a experiência passada foi possível prevenir que os toaletes vazassem e todos sanduíches fossem vendidos antes de todos alimentarem-se, e com palestrantes como Alan Cox e Richard Stallman como atrações principais e dúzias de projetos -- incluindo o Gentoo -- organizando seus próprios estandes de desenvolvedor, as três construções totalmente ocupadas pela FOSDEM 2005 estavam cheias de atividade nos dois dias da conferência.

O estande de desenvolvedores agendado pela duração de toda a conferência foi densamente ocupado por usuários de Gentoo e outros interessados nas doze apresentações feitas por desenvolvedores do Gentoo. A presença flutou entre poucas dúzias e 80 pessoas sentadas e de pé na sala, e o alcance de tópicos cobriu descrições gerais do projeto do Gentoo bem como ensaios altamente técnicos sobre desenvolvimento específico. O desenvolvimento do Portage e Java estiveram no centro das atenções, mas até apresentações mais exóticas como o trabalho no GNAP de Thierry Carrez no espaço embedded atraíram massas muito concentradas. A maior parte das apresentações do estande estão disponíveis para serem baixadas de um repositório central. Fora do estande, Damien Krotkine teve uma "conversa iluminada" sobre seu projeto libconf (a base para o editor gráficos de variáveis de USE do Gentoo profuse, entre outras coisas), e por fim, Marius Mauch teve a honra de falar com a maior audiência em sua apresentação do sistema Portage do Gentoo.


Figure 1.2: Jochen Maes dando uma palestra chave no estande do Gentoo

Fig. 2: sejo

Fora do estande de desenvolvedores em uma construção separada, o Gentoo teve uma cabine dupla no hall, localizada entre a mesa do Mozilla comemorando o primeiro aniversário do Firefox, e um projeto para converter baratos clones coreanos de Gameboy ("Gamepark") em PDAs de Linux completos. À mostra no estande do Gentoo estavam cinco das PegasosPPC Open Desktop Workstations da Genesis (duas delas demonstrando o novo Cube LiveCD para PPC), vários notebooks x86 e PPC, e o exótico Kuro-Box de TGL rodando um servidor de stream de MP3. Visitantes esmagaram-se na pequena passagem, parando para uma conversa com os Gentooístas em serviço, pegando adesivos ou doces (de uma caixa chamada "/dev/snack"), ou para comprar camisas ou outras coisas do Gentoo.


Figure 1.3: Horas ocupadas na cabine do Gentoo

Fig. 3: Cabine da FOSDEM

Os lançamentos não-oficiais, mais populares "Fizzlewizzle" colados por Tobias Scherbaum, foram completamente vendidos em poucas horas. Edições especiais de CDs do Gentoo Linux da FOSDEM tornaram-se uma tradição em si, mas o "Fizzlewizzle" deste ano estava disponível pela primeira vez em tanto LiveCDs como -DVDs. As ISOs foram atualizadas com o último snapshot do Portage de apenas três dias antes da FOSDEM abrir seus portões, com um ambiente padrão em inglês ao invés das localizações padrão em alemão anteriores, e contendo uma instalação completa do KDE 3.3 que pode ser rodada diretamente da mídia, sem instalar primeiro para o disco rígido. O DVD tem 2.2GB de fontes além do conteúdo normal da imagem de CD, e ambas imagens continuam disponíveis via bittorrent, para x86, junto com o Cube GameCD para PPC.


Figure 1.4: Atração principal de Bruxelas, o Atomium, na capa do LiveDVD da edição da FOSDEM

Fig. 4: capa do DVD

Note: Arte por Christian Hartmann, baixe a arte de capa de tamanho completo para imprimir etiquetas de DVD e CD, para PPC Cube GameCD e x86 LiveCD/-DVD.

A famosa singularidade quântica da FOSDEM, primeiro vista por Daniel Robbins durante sua visita na conferência de 2003 e redescoberta no piso do albergue da juventude de Bruxelas ano passado, migrou-se para um dos mais famosos clubes de techno da Europa, Fuse, onde um grupo de desenvolvedores do Gentoo diz ter visto ela flutuando sobre a pista de dança sábado de noite.

Apache desmascarado

O time de Apache do Gentoo desmascarou atualizações de pacote que estiveram sendo trabalhadas por algum tempo. Graças à ajuda adicional de desenvolvedores que uniram-se ao time durantes o meses passados, o anúncio que vários usuários de Apache estiveram esperando pôde finalmente ser feito domingo passado. Algumas das mudanças principais incluem:

  • Nova configuração e locais de configuração para ficarem mais parecidos com a versão original e diminuir a confusão de usuários vindos de outras distribuições.
  • Módulos agora usam um eclass centralizado que constróio, instala, e mostra informação padrão para ativar no módulo. Isto permite manutenção mais fácil de módulos existentes, e permite que nós desenvolvamos ebuilds para módulos que não estão na árvore do Portage mais rapidamente.
  • Opções de USE expandidas para personalizar sua instalação do apache agora permitem que você escolha múltimos MPMs para construir e tornar fácil a troca entre eles.
  • Um novo gentoo-webroot que irá no fim providenciar um conjunto de ícones com o tema do Gentoo, documentos de erro, e um website padrão. Isto foi colocado em seu próprio pacote, e inclui uma opção de USE para não instalar gentoo-webroot em /var/www/localhost - útil se você colocou seu próprio site lá.
  • E muito mais, incluindo consertos de bugs.

Na hora de atualizar o Apache, os passos necessários irão incluir juntar personalizações no /etc/apache2/httpd.conf e atualizar todos mídulos atualmente usados para revisões que suportem a nova eclass. Documentação detalhada está disponível, e se você tiver perguntas ou problemas durante a migração, fale com o time do Apache em #gentoo-apache no irc.freenode.net ou via a lista de mensagens, gentoo-web-user@gentoo.org.

Nova documentação do Gentoo/FreeBSD disponível

Desde nosso artigo recente sobre o projeto Gentoo/FreeBSD na seção Para o futuro do JSG (GWN), o desenvolvedor do Gentoo Michael Kohl tomou conta da manutenção da documentação relacionada. O novo documento é baseado nas instruções de instalação originais de Aaron Walker, e contém várias contribuções do líder do projeto Gentoo/FreeBSD Otavio R. Piske.

2.  Segurança do Gentoo

PuTTY: Execução de código remoto

Vulnerabilidades no PuTTY foram encontradas que permitem a um servidor SFTP executar codigo arbitrário em clientes PSCP e PSFTP sem suspeita nos clientes.

Para mais informações, por favor veja o Anúncio do GLSA

Cyrus IMAP Server: Múltiplas vulnerabilidadesde overflow

O Cyrus IMAP Server tem vulnerabilidades de overflow que podem levar à execução de código remoto arbitrário.

Para mais informações, por favor veja o Anúncio do GLSA

cmd5checkpw: Vulnerabilidade de vazão de password local.

cmd5checkpw contem uma falha permitindo usuários locais acessarem outras senhas de cmd5checkpw.

Para mais informações, por favor veja o Anúncio do GLSA

uim: Vulnerabilidade de elevação de privilégio

Em algumas condições, programas ligados contra uim sofrem ude ma vulnerabilidade de elevação de privilégio.

Para mais informações, por favor veja o Anúncio do GLSA

UnAce: Vulnerabilidades de Buffer overflow e mudança de diretório

UnAce é vulnerável a muitos ataques de buffer overflow e mudança de diretório.

Para mais informações, por favor veja o Anúncio do GLSA

3.  Ouvido na Comunidade

gentoo-catalyst

A confusão do Catalyst e Knoppix

Esta semana um usuário perguntou se Catalyst pode ser usado para criar um LiveCD (como o Knoppix) baseado no Gentoo Linux. O consenso geral é de que a ferramenta ainda não chegou lá, mas avanços estão sendo feitos para melhorar a funcionalidade da ferramenta nesta direção. Robert Paskowitzindicou um LiveCD feito com o Catalyst, Caster, dá um bom exemplo do que pode ser feito atualmente.

Note: Atá a lista de discussão gentoo-catalyst estar em arquivos como o Gmane , Michael Kohl mantém um arquivo constantemente atualizado no seu webspace de desenvolvedor do Gentoo.

4.  Gentoo na Imprensa

eWeek (28 de Fevereiro de 2005)

O analista da ZiffDavis, Jason Brooks faz um resumo da avaliação da eWeek Lab do Gentoo Linux para uso empresarial. O artigo começa colocando que "Gentoo Linux tem crescido rapidamente tornando-se uma das distribuições mais populares do mundo", e "e o mecanismo de manutenção do sistema a partir da compilação do código fonte torna-o um bom sistema para testar as últimas versões de componentes chaves de código aberto." Entretanto, "a sua reputação como uma distribuição com os últimos lançamentos (...) não tem ajudado o prospecto de adoção da mesma no mercado corporativo." e por isso Brooks "hesita em recomendar" Gentoo para adoção em ambientes de produção. O artigo caminha através de argumentos a favor e contra distribuições baseadas na compilação do código fonte, e encontra alguns problemas em todas as distribuições do Linux que são gratuitas em contraste com distribuições comerciais, mas as testar a instalação do VMWare como um exemplo de instalação de pacotes não gratuitos, o autor adimite prontamente que "Gentoo faz o processo de obtenção de software mais elegante que qualquer outra distribuição testada."

OSdir.com (22 de Fevereiro de 2005)

A revista sobre sistemas operacionais da O'Reilly descreve com palavras asperas as atitudes passadas do distribuidor de Linux, Red Hat. No artigo entitulado "O melhor da cobertura da Linux World: o erro da Redhat", Gentoo é mencionado como entrando onde "eles estragaram " ao "abandonar a distribuição gratuita Redhat dois anos atras para focar exclusivamente no mercado corporativo na versão 'que rende mais', uma atitude que não foi "uma decisão sabia," diz o editor do OSdir.com, Steve Mallett.

ZDNet (18 de Fevereiro de 2005)

Em um artigo parecido sobre o "desentendimento da RedHat com os entusiastas da sua tecnologia" e o plano para "consertar a situação com um projeto mais agressivo, o projeto Fedora," o autor da CNET, Stephen Shankland observa que a "Red Hat tem uma ampla competição. Projetos como Gentoo atraem programadores de Linux, enquanto a Sun Microsystems está tentando contruir sua comunidade própria em volta do projeto OpenSolaris."

5.  Bugzilla

Resumo

Estatísticas

A comunidade do Gentoo usa o Bugzilla (bugs.gentoo.org) para gravar e rastrear bugs, notificações, sugestões e outras interações com a equipe de desenvolvimento. Entre 20 de fevereiro de 2005 e 27 de fevereiro de 2005, a atividade no site resultou em:

  • 789 novos bugs durante este período
  • 443 bugs fechados ou resolvidos durante este período
  • 33 bugs previamente fechados foram reabertos neste período

Dos 8054 bugs atualmente abertos: 109 são rotulados 'blocker', 233 são rotulados 'critical', e 595 são rotulados 'major'.

Ranking de bugs fechados

Os desenvolvedores e equipes que fecharam o maior número de bugs neste período foram:

Ranking de novos bugs

Os desenvolvedores e qquipes aos quais foram atribuídos a tarefa de resolver o maior número de bugs foram:

6.  Mudanças, adições e realocações

Mudanças

Os seguintes desenvolvedores recentemente deixaram a equipe do Gentoo:

  • Nenhum esta semana

Adições

Os seguintes desenvolvedores recentemente juntaram-se à equipe do Gentoo:

  • Alex Howells (Astinus) - AMD64
  • Elfyn McBratney (beu) - Apache

Realocações

Os seguites desemvolvedores recentemente mudaram de tarefa no projeto Gentoo Linux:

  • Lance Albertson (ramereth) - Novo líder operacional do projeto de infraestrutura

7.  Contribua com o JSG (GWN)

Interessado em contribuir com o Jornal Semanal do Gentoo? Envie-nos um email.

8.  Feedback do JSG (GWN)

Por favor envie-nos seu feedback e ajude-nos a melhorar o JSG (GWN).

9.  Informação sobre assinatura do JSG (GWN)

Para assinar o JSG (GWN), envie um email em branco para gentoo-gwn-subscribe@gentoo.org.

Para cancelar sua assinatura, envie um email em branco para gentoo-gwn-unsubscribe@gentoo.org do endereço de email sob o qual você está inscrito.

10.  Outras línguas

O Jornal Semanal do Gentoo também está disponível nas seguintes línguas:



Print

Page updated February 28, 2005

Summary: Este é o Jornal Semanal do Gentoo da semana de 28 de fevereiro de 2005.

Ulrich Plate
Editor

Michael Kohl
Autor

Michael Stewart
Autor

Marcelo Góes
Tradução Português do Brasil

Fernando Vaz
Tradução Português do Brasil

Filipe Augusto
Tradução Português do Brasil

Donate to support our development efforts.

Copyright 2001-2014 Gentoo Foundation, Inc. Questions, Comments? Contact us.